Bolo de mãe

Receita de Noelle Aquino

Quinta feira (feriado) estava exausta graças a uma senhora gripe que resolveu me visitar justamente nos dias mais quentes do outono. Mas assim que escureceu eu notei que a "marvada" tinha se distraído um pouco e foi aí que eu resolvi correr pra cozinha...

O título deste post se refere às minhas lembranças de família, minha mãe sempre fazia os bolos e salgados nos nossos aniversários, e olha que eram muitos (minha mamãnzinha teve 6 filhos) e para completar a festa o acompanhamento era muita música!

Minha mãe fazia sempre o mesmo bolo delicioso e macio mas variava nos recheios dependendo do gosto de cada filho (e ela sabia exatamente o de cada um). Já a música era sempre escolhida pelo meu pai, a gente fazia a bagunça ao som de jobim, chico buarque, mancini, dave brubeck e até sítio do pica-pau amarelo... Eram bons tempos aqueles nos quais a minha mãe sempre fazia de tudo para provar ao aniversariante que todos haviam esquecido do acontecimento. Nós já sabíamos que era tudo mentira (ela mente muito mal) só que entrávamos no jogo dela só pra ver aquela boquinha sorrindo ao fim da festa!



Foto do caderno da vovó.


Bolo de aniversário (recheável) da "mamaim"
2 xícaras de açúcar
1 xícara de suco de laranja
2 xícaras de farinha de trigo
1 colher rasa (sopa) de fermento em pó
4 ovos separados
Bata as gemas e o açúcar até obter um creme claro e fofo, junte o suco de laranja e mexa com uma espátula, vá adicionando aos poucos a farinha de trigo peneirada.
Depois de misturar bata na batedeira até ficar homogêneo. Bata as claras em neve e misture delicadamente ao restante da massa. Por ultimo acrescente o fermento com movimentos lentos e leve ao forno pré-aquecido em temperatura média por aproximadamente 30 minutos ou até passar pelo teste do palito.

Recheio de pêssegos

1 lata de pêssego em calda
2 colheres (sopa) de queijo minas frescal cremoso (penso que requeijão também funcione)
açúcar a gosto
maizena para engrossar
Pique os pêssegos. Dilua o queijo na calda e leve ao fogo até ferver. Misture a maizena com um pouco d´água e despeje na panela, vá mexendo até encorapar e ficar em ponto de creme (quando começa a descolar do fundo da panela). Se achar necessário adicione o açúcar e vá provando até ficar ao seu gosto.

Cobertura

doce de leite "caseiro"
amêndoas em lascas
Coloque uma lata de leite consensado na panela de pressão com água até que cubra a lata e cozinhe por aproximadamente 20 minutos.

Montagem

Depois do bolo amornar corte-o ao meio, regue-o com um pouco de suco de laranja ou (o que minha mãe usava) whisky diluído em duas partes de água. Recheie com o creme também já morno e se quiser polvilhe um pouco de côco ralado hidratado. Cubra com o doce de leite espalhando generosamente e enfeite com as amêndoas.

Juro que quando minha mãe fazia esse bolo não sobrava nem uma migalha no prato, a gente lambia tudo!!!

3 -->CLIQUE AQUI PARA DEIXAR MENSAGEM<--:

  1. Uma maravilha de bolo Mauro,para que coisa melhor que bolo de mainha??????


    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá Mauro...
    Adorei ler suas receitas e ver sua arte na culinária...
    Eu trabalho com bolos....mas gostaria muito de ter vc como meu amigo, para compartilhar o que sabemos.....ou para poder acompanhar suas receitas...
    Espero vc em meu cantinho..
    Beijos...Dina

    ResponderExcluir
  3. Mauro, tudo bem? Divulga para mim por favor que so faltam e 3 dias para escolheremos a receita campeã no blog Gastronomia Brasileira (enquente de votação): http://assumasuabrasilidade.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Preencha seu comentário:

Postagens populares

Postagens populares

 
Top